A história do Bargaço começou há 37 anos, quando o pernambucano da cidade de Limoeiro Leonel Evaristo da Rocha chegou à Bahia em 1968 para trabalhar.

Foi camelô e balconista até chegar a garçom. Na década de 70, montou seu próprio restaurante, graças ao seu ex-patrão Camafeu de Oxossi, que possuía um dos melhores restaurantes de Salvador e deu a Leonel a oportunidade de comandar a casa. Como o restaurante ia bem, conseguiu ganhar dinheiro e comprar um terreno de 720 metros quadrados na então afastada Praia de Armação, onde construiu uma casa simples com uma grande varanda.

Certa vez Camafeu foi visitá-lo. “Aqui dava um belo restaurante” disse ele, ao avistar a varanda. E assim começou o primeiro Bargaço com cinco mesas, todas elas emprestadas por Camafeu. Detalhe: Leonel tinha que usar a cozinha da sua própria casa.

O nome Bargaço surgiu do resultado de um erro de um pintor analfabeto que escreveu na placa de identificação Bargarçõ em vez de Bargaçon, por falta de dinheiro para repintar a madeira para refazer a placa, Leonel resolveu aproveitar excluindo o til. O primeiro cliente só entrou 11 dias depois. Hoje, o restaurante Bargaço é um marco referencial de qualidade na gastronomia do país.

  • Endereço Rua Antônio da Silva Coelho, quadra 43 | Jd Armação, Salvador, Bahia 41750-040, Brasil

Postar nova comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *